terça-feira , 27 junho 2017
Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Início / Notícias / Vinhos de Pinto Bandeira ganham indicação de procedência
Direito Agrário

Vinhos de Pinto Bandeira ganham indicação de procedência

“Os vinhos finos e espumantes Pinto Bandeira, distrito de Bento Gonçalves (RS), agregam características da geografia e do “saber-fazer” local. São elaborados exclusivamente com as oito cultivares autorizadas procedentes da área geográfica delimitada, a partir de padrões de identidade e qualidade, controlados
pelo Conselho Regulador da Indicação de Procedência.

A produtividade dos vinhedos é acompanhada e os padrões de maturação das uvas para vinificação são diferenciados. A elaboração, engarrafamento e envelhecimento dos vinhos devem ser restritos à área geográfica delimitada, sob rigorosos padrões de qualidade química, normas de rotulagem e padrões de qualidade sensorial dos vinhos entre 85% e 100%.

Os vinhedos e vinícolas cadastrados devem declarar a quantidade produzida em cada colheita, o volume dos produtos elaborados, e as análises químicas diferenciadas dos vinhos, que são controlados por selo numerado, rastreados e aprovados, às cegas, pela Comissão de Degustação.

Procedência

Procedência Registro IG 00803 INPI Indicação de Procedência/2010
Área Geográfica Delimitada: 81,38 km2 (91% em Bento Gonçalves e 9% em Farroupilha)
Altitude média de 612m

COLONIZAÇÃO ITALIANA

Com paisagem que agrega montanhas de revelo ondulado, encostas íngremes e vales fechados, pontuados por matas nativas, a região foi colonizada por imigrantes italianos, a partir de 1876. De tradição agrícola, assim que chegaram, deram início ao cultivo de produtos para subsistência e, seguindo a tradição, os parreirais. Consta que a produção artesanal de vinhos na região data de 1880, mas, foi na década de 1930 que se instalou na região uma filial da Cooperativa Vinícola Riograndense, que atuou decisivamente na disseminação de variedades de uvas para vinhos finos. Ali, a produção de vinhos e espumantes é uma tradição passada de pais para filhos e considerada um culto à memória dos antepassados italianos.

BELAS PAISAGENS

A paisagem do meio rural da região da Indicação de Procedência Pinto Bandeira é uma atração a mais para os turistas. Por isso, o enoturismo é uma das atividades das vinícolas, desde uma visita com degustação conduzida por profissional até a hospedagem em pousada. A natureza, as culturas temporárias e as diversas espécies de frutíferas convivem com a marca principal de Pinto Bandeira: a vitivinicultura e a sociedade que a produz.

As estações bem marcadas oferecem diferentes paisagens nas diferentes épocas do ano. Se no inverno as videiras estão em repouso, os pessegueiros se enchem de flores cor-de-rosa. Na primavera, as videiras exibem o verde claro dos brotos e frutos ao longo de estradas coloridas pelas roseiras. No verão, é possível sentir no ar o aroma das uvas maduras e, no outono, são os tons de amarelo, vermelho e marrom que pintam a paisagem, marcando a chegada do repouso das videiras e de amadurecimento dos vinhos.

Entre os cultivos da videira, a evidência da fauna e a flora locais, como a araucária. As encostas onduladas e íngremes formam vales fechados onde se descortinam paisagens de floresta intensamente verdes, que servem de moldura e cenário para a vitivinicultura. As estradas que cortam as paisagens destacam, ainda, algumas características da sociedade local. As residências em cada pequena propriedade, os capitéis e capelas que mostram a religiosidade das comunidades e os salões de festas, onde os moradores comemoram os resultados de muito trabalho.

PRODUTOS E VARIEDADES AUTORIZADOS

Vinho Espumante Fino – exclusivamente pelo método tradicional: Chardonnay, Pinot Noir, Riesling Itálico, Viognier.

Vinho Fino Tinto Seco: Cabernet Franc, Merlot, Cabernet Sauvignon, Pinot Noir, Tannat, Pinotage, Ancellotta, Sangiovese.

Vinho Fino Branco Seco: Chardonnay, Riesling Itálico, Moscato Branco, Moscato Giallo, Trebbiano, Malvasia Bianca, Malvasia de Candia, Sémillon, Peverella, Viognier, Sauvignon Blanc, Gewurztraminer.

Vinho Moscatel Espumante: Moscato Branco, Moscato Giallo, Moscatel Nazareno, Moscato de Alexandria, Malvasia de Candia, Malvasia Bianca.

PRODUTO

Os vinhos da Indicação de Procedência de Pinto Bandeira são elaborados com, no mínimo, 85% de uvas produzidas na área delimitada, vinhedos com controle de produtividade, elaboração, engarrafamento e envelhecimento dentro da área delimitada, com rigorosos padrões de qualidade química e sensoriais dos vinhos”.

Fonte: SNA.

Direito Agrário

Veja também:

– Livro Propriedade Intelectual e Inovação na Agricultura (Portal DireitoAgrário.com, 02/06/2016)

– Propriedade intelectual no agro: Parlamento Europeu defende cultivo seletivo de plantas e alerta para perigos de patentear variedades vegetais (Portal DireitoAgrário.com, 20/12/2015)

– Mapa das Indicações Geográficas do Brasil (Portal DireitoAgrário.com, 21/10/2016)

Direito Agrário

* Para tirar eventuais dúvidas, fazer algum comentário, corrigir alguma falha no texto ou críticas, entre em contato com a Equipe do Portal DireitoAgrário.com pelo seguinte e-mail:  direitoagrario@direitoagrario.com

Leia também

A recente decisão do STF a respeito da constitucionalidade da Contribuição Sindical Rural

por Clairton Kubaszwski Gama. Recentemente, no julgamento do Recurso Extraordinário – RE nº 883542/SP, o Supremo …